Os cuidados com a pele durante a pandemia do novo coronavírus

(Foto: Reprodução)

Durante a pandemia, a pele deve ser higienizada, com bastante frequência, o que faz com que ela fique mais ressecada. Saiba como deixá-la mais hidratada e saudável

A pele é o maior e mais exposto órgão do corpo humano. Além das variações climáticas (temperatura e umidade), o excesso de higienização influencia em seu estado de textura e hidratação.

O mundo está passando por uma fase crítica e caótica por causa da pandemia do novo coronavírus (covid-19). Nesse período, os cuidados com a higienização e a assepsia da pele se tornaram fundamentais para conter o avanço da infecção. 

O vírus entra no organismo por vias aéreas – nariz e boca. Ele é transmitido de uma pessoa para outra através de gotículas da fala, do espirro, da tosse, da saliva e de secreções nasais. As mãos são os principais vetores dessa transmissão. É habitual levar as mãos à boca durante espirro e tosse, e, com isso, elas se contaminam com milhares de vírus. Onde as mãos tocam, elas deixam milhares de vírus que sobrevivem de dois a três dias em superfícies – as pessoas saudáveis podem se contaminar ao tocar as mãos nessas superfícies.  

(Foto: Divulgação)

Portanto as mãos devem ser higienizadas e desinfetadas com frequência. Elas devem ser lavadas com água corrente e sabão. É importante ensaboá-las e esfregá-las por, no mínimo, 20 segundos. Feito isso, aplicar álcool em gel.

Também, durante esse período, é recomendado tomar banho sempre que retornar para casa após ir à rua. Entretanto esse excesso – porém fundamental – do uso de sabão e álcool diminui o manto hidrolipídico da pele. Sendo assim, ela fica mais seca e com aspecto esbranquiçado pela perda de água e desnaturação das proteínas.

Uma pele desidratada e ressecada causa sensação de desconforto. As coceiras tornam-se mais frequentes, e os processos alérgicos surgem com mais facilidade. A pele ressecada tende a envelhecer precocemente.

Para minimizar esses efeitos, o uso de hidratantes é imprescindível. Eles devem ser aplicados, nas mãos, várias vezes ao dia, principalmente a cada lavagem e utilização do álcool em gel.

Ficar em casa é a melhor medida para conter o avanço do novo coronavírus. Sair de casa é recomendado somente por motivos essenciais, por exemplo, ir a supermercados e farmácias. Sempre que retornar ao lar, além do banho as roupas devem ser colocadas para a lavagem, e, os sapatos, higienizados.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here