Fujioka traz para Goiânia, em primeira mão, o revolucionário Samsung Galaxy S10

Os smartphones Samsung Galaxy S10+, Galaxy S10 e Galaxy S10e serão lançados em Goiânia, em primeira mão, pelo Fujioka, na próxima terça-feira, dia 2 de abril, a partir das 19h30, no Sky Garden, o Rooftop Premium mais ativado de Goiânia no Instagram para a marcação de fotos e hashtags. O evento leva o selo Première, marca do Fujioka para a apresentação de produtos exclusivos antes de qualquer concorrente.

No lançamento estarão presentes o gerente sênior de Produto da área de Dispositivos Móveis da Samsung Brasil, Renato Citrini, além de outros executivos da multinacional. O Fujioka é o primeiro varejista no Centro Oeste a apresentar o Galaxy S10, cuja pré-venda (reserva) já começou nas lojas da rede e cujas vendas físicas começam no próximo dia 5 de abril. O lançamento também comemora os dez anos da
linha Galaxy S no Brasil.

Durante o lançamento os convidados poderão degustar o Galaxy S10 em espaços exclusivos e terão a oportunidade de conhecer as câmeras do celular, numa experiência lúdica e criativa que permitirá ao público explorar todas as características do Galaxy S10, em especial a inovadora tecnologia de compartilhamento de bateria sem fio (Wireless PowerShare). Um desses espaços de degustação é assinado pelo artista plástico Homero Maurício, autor do projeto Coração de Rua.

Promoção

O Ator e Vocalista da Banda Blitz, Evandro Mesquita, será o garoto propaganda da campanha promocional do Sicredi – Vem pro Sicredi Poupar e Ganhar. O lançamento da promoção acontece nesta segunda-feira, 1º de abril e vigora até 11 de dezembro. No total serão sorteados 230 prêmios para associados e não associados, que fizerem aplicações em poupança e outros investimento, recebendo números da sorte conforme critérios da promoção descritos no regulamento, disponível no site: www.sicredi.com.br. Além disso, cada cooperativa participante fará sorteios semanais para os seus respectivos associados. Serão 203 prêmios de R$ 2 mil, 24 prêmios de R$ 10 mil e três prêmios de R$100mil, todos líquidos de impostos.

Evandro Mesquita | Foto: Divulgação

Doação

O cartunista Christie Queiroz, criador do personagem Cabeça Oca, visitou a Biblioteca Comunitária do Buriti Shopping. Christie, que foi recebido pela gerente de marketing do Buriti, Priscilla Lima, fez a doação de vários livros de sua autoria. Na biblioteca comunitária é possível trocar, doar ou pegar livros de diferentes autores, sem quaisquer custos ou obrigação de devolução.

Priscilla e Christie Queiroz | Foto: Divulgação

Páscoa / Mesa posta

No próximo dia 10 de abril a personal organizer, Mariana Thomé, irá promover um curso de mesa posta em comemoração à Páscoa no Acaso Bistrô da Alameda Ricardo Paranhos. Na ocasião, os inscritos poderão, além de aprender como decorar uma mesa de jantar corretamente, fazer a degustação de um jantar assinado pela premiada chef goiana Bethy Alves. As inscrições pode ser feitas via instagram @maishomeorganizer, pelo whatsapp 98285-4383 ou pelo e-mail maishomeorganizer@gmail.com.

Mariana Thomé personal organizer | Foto: Kellen Castro

Show

Caetano Veloso abriu a temporada 2019 do Flamboyant In Concert, no dia 26 de março. Ele fez um show de voz e violão repleto de grandes sucessos de sua carreira. Tigresa, Sampa, Lua de São Jorge e Baby foram algumas das canções apresentadas. Os fãs foram ao delírio no show de quase duas horas. Na foto, Caetano Veloso com a gerente de marketing do Flamboyant, Aline Guedes.

Foto: Marcos Cardoso

Águas Lindas de Goiás

A Tropical Urbanismo lançou neste mês de março o bairro planejado Jardim do Éden, em Águas Lindas de Goiás. O projeto, que irá ocupar um antigo vazio urbano na região central, além de agregar com o desenvolvimento da cidade, irá contribuir para a redução de seu déficit habitacional, o maior do interior do Estado segundo levantamento do Instituto Mauro Borges (IMB), ligado à Secretaria Estadual de Gestão e Planejamento (Segplan).De acordo com o  IMB, 10% de sua população da cidade não possui casa própria, o que corresponde a 6,45% do déficit de todo Estado.

Divulgação

Problemas na coluna lideram ranking de motivos para afastamento do trabalho

Só em 2017, mais de 83 mil brasileiros tiveram que deixar seus postos de trabalho por causa da dorsalgia (nome técnico para dor nas costas), segundo dados da Previdência Social. Tratamento multidisciplinar oferecido pelo Seconci Goiás, com sessões de fisioterapia e de pilates, tem resolvido, não só os problemas das dores, mas também recuperado a autoestima de profissionais da construção civil.

Sensação de cansaço e peso nas costas, dores contínuas e que podem afetar membros inferiores e superiores. Esses são alguns dos sintomas que podem indicar algum problema de saúde relacionado à coluna vertebral. Nos últimos dez anos, esse tipo de enfermidade tem liderado o ranking dos motivos para afastamento do trabalho e concessão de auxílio-doença, segundo dados da Previdência Social. Só em 2017, mais de 83 mil trabalhadores brasileiros tiveram que deixar seus postos de trabalho por causa da dorsalgia (dor nas costas).

Esse elevado índice de afastamentos tem despertado a atenção dos departamentos e profissionais da área de segurança e saúde do trabalho, em especial, nas empresas do setor da construção civil. Em Goiás, o Seconci Goiás – Serviço Social da Indústria da Construção – mantém um trabalho contínuo de prevenção e tratamento para os colaboradores de mais de 200 empresas associadas à entidade. Esse atendimento inclui consultas com ortopedista e palestras em obras sobre ergonomia, com o tema “Cuidados no Transporte de Cargas”, e sobre o uso correto dos Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), além de envolver também, em alguns casos, sessões de fisioterapia e de pilates, um conjunto de exercícios que são feitos, com ou sem equipamentos, para o desenvolvimento equilibrado do corpo, por meio dos núcleos força, flexibilidade e consciência.

Estúdio de Pilates Seconci GO  | Foto: Divulgação

É desenvolvido também o Projeto Enfrentamento da Dor Crônica, um acompanhamento psicoterápico em grupo (reuniões quinzenais) dos pacientes da Ortopedia e Fisioterapia com dor crônica, que é associada a um dano físico real ou potencial, com duração superior a 30 dias, investigando seu estado emocional e a influência das condições psicossociais na evolução do seu tratamento e propiciando uma escuta terapêutica.

Só no ano passado, os trabalhadores da construção civil em Goiás foram atendidos em mais de 4.400 sessões de fisioterapia e em outras 1.685 sessões de pilates, realizadas num espaço apropriado para essas atividades montado na sede do Seconci Goiás, especificamente para esse fim. “Os problemas de lombalgia atrapalham não só a vida profissional do trabalhador, mas impedem também que ele tenha uma vida plena em todos os sentidos, pois impacta em seu lazer, no seu momento de descanso, relacionamentos. Então, esse trabalho do Seconci tem uma relevância que vai além da segurança do trabalho”, pontua o presidente do Seconci Goiás, Célio Eustáquio de Moura.

Estúdio de Pilates Seconci GO | Foto: Divulgação

Troca de imóveis deve crescer neste ano, diz especialista

A demanda da primeira moradia continua existindo, mas a procura de quem quer trocar de imóvel cresce a cada ano de retomada da economia. URBS Imobiliária, uma das maiores de Goiás, abre duas novas unidades na capital para atender a esse fluxo crescente de consumidores.

Enquanto moradores de países desenvolvidos mudam-se de imóvel próprio cerca de oito vezes na vida, no Brasil as pessoas fazem isso, em média, 1,8 vezes, segundo estudo do serviço de inteligência de mercado da URBS Imobiliária. Especialistas do setor imobiliário apostam que, com a retomada da economia e barateamento do crédito imobiliário, um maior número de pessoas consiga fazer o chamado upgrade de sua residência, ou seja, investir em um imóvel novo, que não seja o primeiro.

A URBS tem a participação já confirmada em 25 lançamentos imobiliários em Goiânia em 2019, número maior que os empreendimentos lançados na capital durante todo o ano de 2018, segundo dados Associação das Empresas do Mercado Imobiliário de Goiás (Ademi-GO). Destes novos produtos imobiliários previstos para este ano, a maioria será voltado ao público que pretender sair da primeira moradia.

Para atender ao fluxo, a empresa está preparando a abertura de duas novas agências: uma no Setor Marista, na Avenida Ricardo Paranhos, com uma equipe de 100 corretores de imóveis; e outra no Setor Bueno, na T-11, antiga sede da Alfamix, com uma força de vendas de 30 profissionais. “Trata-se de uma alta demanda para a qual exige planejamento, foco e especialização. Por isso, estamos nos unindo a especialistas, que estarão à frente dessas agências”, diz Ricardo Teixeira, diretor da URBS Imobiliária.

Edmilson Borges, sócio da unidade Marista, e Ricardo Teixeira, diretor da URBS

Para o especialista Edmilson Borges, que se tornou sócio da unidade Marista, o ano será marcado pelo upgrade de imóvel, ou seja, pela troca de imóveis por pessoas que já têm sua moradia própria, mas desejam ir para outra, maior, mais confortável, melhor localizada, ou então para atender a novas situações da vida – como casamento, nascimento dos filhos, ou mesmo separação – e que exigem uma nova configuração de espaços.

“São consumidores que, durante o período de crise, tinham necessidade de mudança, mas adiaram os planos. Agora, voltam a planejar a nova aquisição”, diz Edmilson. Ele observa que as incorporadoras estão atentas a essas movimentação e preparando novidades. Uma delas é o On Marista Design, residencial que foi lançado recentemente e terá apartamentos de 115m² no setor que dá nome ao empreendimento, com vendas pela URBS Imobiliária.

Primeira moradia

Mas haverá também novidades para quem busca a primeira moradia. Um dos sócios da agência Bueno, Emerson Vieira, lembra que a retomada da economia também estimula este público, que passa a ter menos receio de perder o emprego e volta a fazer planos de sair do aluguel. “Temos um déficit habitacional alto a ser eliminado”, diz.

De acordo com o Instituto Mauro Borges, existem 156.159 mil famílias ou 429.759 pessoas em situação de déficit habitacional, sendo que 71% vive de aluguel. Goiânia concentra o maior contingente, com 13,65% dessa população. No lineup da URBS, haverá novidades também para este público. Um deles é o Arvoredo Cerrado Parque, lançado pela FR no Setor Rodoviário com a força de vendas da imobiliária.

De acordo com levantamento da inteligência de mercado da URBS, do total de imóveis econômicos ou populares com que a imobiliária trabalha, 95% são para primeira moradia. Já entre as unidades acima de R$ 500 mil, 70% delas são compradas por quem já tem um imóvel próprio.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here