“Sai de Baixo – O Filme” e “A Morte Te Dá Parabéns 2”disputam os cinemas

A trupe do Arouche está de volta e com novos integrantes em 'Sai de Baixo O Filme'. (Foto: Reprodução)
(Arte: NewsGO)

Exibido nas noites de domingo da TV Globo entre os anos de 1996 e 2002, a trupe do “Sai de Baixo” chega agora aos cinemas. Na trama, após uma longa temporada na prisão, Caco Antibes (Miguel Falabella) volta ao Largo do Arouche para descobrir que todos estão mais falidos do que nunca. Magda (Marisa Orth), Cassandra (Aracy Balabanian) e Vavá (Luis Gustavo) foram despejados do apartamento e, como se não bastasse, está morando de favor com o porteiro Ribamar (Tom Cavalcante). Como algumas coisas nunca mudam, o trambiqueiro os coloca em uma nova roubada, só que dessa vez em um nível internacional. Com várias diaristas já tendo trabalhado para a família, a mais nova é Cibalena, vivida por Cacau Protásio.

“Não tem como mudar o Caco. Ele e um psicótico brasileiro e as pessoas se identificam. Não há politicamente correto no qual ele se enquadre. Até porque acha o politicamente correto coisa de pobre”, disse o seu intérprete em entrevista a um site. “O filme é tão inconsequente quanto o seriado. A única emoção é fazer rir, é uma verdadeira chanchada”, revelou Daniel Filho, um dos idealizadores da sitcom e produtor. Dentre as adições do elenco estão Lúcio Mauro Filho, Katiuscia Canoro e Castrinho. Com roteiro de Falabella, a direção é de Cris D’Amato. Atualmente, o “Sai de Baixo” está sendo reprisado nas tardes de sábado com uma audiência satisfatória. A expectativa é que a produção divirta tanto os antigos fãs quanto atraia uma nova geração.

Cena de ‘A Morte Te Dá Parabéns 2’. (Foto: Reprodução)

Sucesso inesperado, “A Morte Te Dá Parabéns” acompanhava Tree Gelbman (Jessica Rothe), uma garota que era assassinada por uma pessoa mascarada no dia do seu aniversário. Presa em um loop temporal que a fazia reviver, ela tinha que descobrir os motivos disso estar acontecendo, assim como encontrar uma forma de escapar de tal destino. Agora na sequência dirigida por Christopher Landon, ela está tentando continuar a vida ao lado de Carter (Israel Broussard). Porém, quando um experimento dá errado, Tree se vê retornando ao fluxo de repetição, com a diferença de que desta vez morrer não será o bastante para sobreviver. Lançado em 2017, o terror cômico de US$ 5 milhões fez mais de US$ 115 milhões nas bilheterias mundiais.

Para quem prefere o chamado “cinema de arte”, começou ontem (20/02) a 12ª edição da mostra “O Amor, a Morte e as Paixões”. Com 87 filmes de 26 países, muitos inéditos na capital, o evento realizado no Banana Shopping vai até o dia 06 de março. Lembrando que continuam em cartaz nas demais salas: o indicado ao Oscar de melhor Filme “Green Book – O Guia”, o blockbuster “Alita: Anjo de Combate”, os nacionais “Minha Fama de Mau” e “Minha Vida em Marte”, o drama “A Mula”, as animações “Uma Aventura Lego 2” e “Como Treinar o Seu Dragão 3”, e os suspenses “Vidro” e “Escape Room”. Antes de sair de casa, confira a programação das salas de cinema, a classificação indicativa e os horários de exibição. Boa diversão!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here