Nesta terça-feira, Brasil enfrenta a Argentina, em amistoso

Neymar segue como titular indiscutível e capitão de Tite (Foto: Lucas Figueiredo/CBF)

Neymar foi o escolhido da para conceder a última entrevista coletiva antes do clássico sul-americano, programado para às 15 horas (de Brasília), desta terça-feira. Capitão da equipe de Tite, o atacante ‘celebrou’ a ausência de Lionel Messi, ex-companheiro de Barcelona.

“Para quem é amante de futebol, ter Messi fora de um jogo como esse é ruim, mas para nós, é bom. Sempre ressaltamos a qualidade da Argentina, dos jogadores que existem na seleção argentina hoje. É um jogo muito difícil, temos que fazer nosso papel, nosso trabalho, e é sempre gostoso de jogar”, disse.

Di María, Agüero e Higuaín também não foram chamados pelo treinador interino Lionel Scaloni, que ainda deve deixar Dybala no banco de reservas. Apesar disso, Neymar descartou o favoritismo diante de uma Albiceleste repleta de ‘desconhecidos’.

“Favoritismo não existe. Brasil e Argentina é difícil. O que você espera é que seja um jogão. Da nossa parte, a gente vai entrar para vencer. A gente gosta de vencer. Mas, quando se fala de Brasil e Argentina, é um clássico, eles vão querer vencer também. A gente quer fazer nosso papel e está trabalhando para isso”, declarou.

Em termos de escalação, Tite deve fazer algumas alterações. Além de Arthur, outros titulares como os laterais Danilo e Filipe Luís, o goleiro Alisson, o zagueiro Miranda e o atacante Roberto Firmino podem iniciar a partida. O treinador descartou o clima de amistoso contra os hermanos.

Na Argentina, o técnico Lionel Scaloni vem tendo que reformular a equipe sem poder contar com alguns de seus principais jogadores. Os atacantes Messi e Aguero pediram dispensa da seleção até o fim do ano. Com isso, vários atletas têm tido chance de mostrar serviço, como o zagueiro Kannemann, do Grêmio, que atuou na vitória contra o Iraque.

Sem mais treinamentos, o Brasil encara a Argentina, no estádio The King Abdullah Sports City, em Jidá, às 15 horas (de Brasília). Após essa partida, os comandados de Tite só voltam aos gramados no dia 16 de novembro, quando enfrentam o Uruguai, em Londres.

FICHA TÉCNICA:
BRASIL X ARGENTINA

Local: estádio King Abdullah, em Jedá (Arábia Saudita)
Data: 16 de outubro, terça-feira
Hora: 15h (de Brasília)
Árbitro: Felix Brych (ALE)
Assistentes: Mark Borsch (ALE) e Stefan Lupp (ALE)

BRASIL: Alisson, Danilo, Marquinhos, Miranda e Filipe Luís; Casemiro; Arthur, Renato Augusto, Coutinho e Neymar; Firmino
Técnico: Tite

ARGENTINA: Romero, Saravia, Pezzella, Otamendi e Tagliafico; Paredes, Battaglia e Lo Celso; Salvio, Icardi e Angel Correa
Técnico: Lionel Scaloni

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here