Brasil falha e perde a invencibilidade para a Sérvia

A seleção brasileira entrou em quadra para o desafio mais difícil dessa primeira fase da competição. Ainda assim, por conta dos inúmeros erros de saque, a Sérvia contribuiu com o Brasil no início do jogo. Durante o primeiro set, as adversárias conseguiram abrir cinco pontos de vantagem, enquanto o bloqueio brasileiro não funcionava bem. Com a confiança abalada, o Brasil perdeu pela primeira parcial de 25/21.

Mesmo buscando uma maior eficiência nos ataques no segundo set, o Brasil não conseguia abalar a superioridade da Sérvia. Fernanda Garay teve grande importância em quadra, com uma postura agressiva e equilibrada, fazendo a diferença para o Brasil, que mesmo assim foi derrotado por 25/18.

Já no terceiro set, era notável a preocupação do Brasil com as adversárias, sem conseguir lucidez para fazer a própria parte em quadra. Tentando aumentar a consistência na virada de bola, as brasileiras não conseguiram parar Boskovic – maior pontuadora do jogo, com 24 pontos marcados. Sem conquistar a virada no placar, a última parcial da Sérvia sobre o Brasil foi de 25/19.

Durante o jogo inteiro, a Sérvia errou mais que o Brasil, cedendo muitos pontos no saque. Tandara – maior pontuadora do Brasil no desafio, com nove pontos anotados – analisou o desempenho da seleção.

“Faltou saber aproveitar os erros. No início, a gente não estava sacando tão bem, mas começamos a acertar, estávamos tentando consertar, mas acabamos atrapalhando. Mas paciência, a gente tira o aprendizado para não ocorrer com os próximos”, considerou a atleta. “Foi um grande jogo e a gente sabia que seria muito difícil”, concluiu.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here